Taxa de juro fixa ou variável!





O que é melhor para o Crédito Habitação?

A melhor metáfora que tenho encontrado para explicar esta diferença, e que se torna mais percetível para os clientes, é comparar um seguro automóvel com cobertura de Danos Próprios, com um seguro que tem apenas cobertura de Responsabilidade Civil contra terceiros.

A diferença de preço advém da maior proteção.

Com a cobertura Danos Próprios, o cliente vai pagar mais prémio, contudo isso não significa que vá ter algum acidente. Vai estar apenas mais protegido.
Basicamente, o que se paga a mais numa taxa de juro fixa é isso, uma maior proteção e para isso há um encargo maior.
Esta proteção reflete-se numa prestação do crédito, sempre igual (fixa), independentemente das oscilações do mercado financeiro.

Na Europa a maior preferência recai sobre estas taxas de juro, fixas.
Em Portugal, as operações efetuadas tendo por base esta taxa está a aumentar, sendo certo que, tradicionalmente, a taxa variável tem o maior peso nas operações contratualizadas.

Existem várias ofertas no mercado, tendo em conta que existem também vários enquadramentos (Opções):
1 – A operação de crédito pode ser feita apenas em taxa fixa (período máximo normal 30 anos)
2 – A operação de crédito pode ser feita com um período em Taxa Fixa + um período em Taxa Variável (até um máximo de 40 anos, somando os 2 períodos)

A diferença do custo de operação entre a opção 1 e opção 2, em relação à operação em que o prazo é todo em taxa variável, também é diferente.
A diferença na opção 1, normalmente é maior, tendo por base os cenários reais de contratação em que esta taxa fixa tem sido superior às taxas contratualizadas na opção 2.

Historicamente vivemos com a Euribor 10 anos acima dos 2% e 10 anos abaixo dos 2%.

Fonte: Euribor-rates

IMPORTANTE:
A esta taxa EURIBOR, nos créditos, acresce o SPREAD dos bancos.

REFLEXÃO 1:
Com os spreads mínimos a rondar 1%, isto implica que é possível obter em taxa variável valores a partir dos 0,75% (TAN)

REFLEXÃO 2:
Atualmente (mês Junho) é possível obter taxas fixas a partir de 1,35%

REFLEXÃO 3:
Com a contratação de taxa fixa a prestação fica fixa em todo o período do crédito em que optou por taxa fixa, e …
… os salários vão manter-se iguais durante todo esse período?
… se se financiou para um imóvel para arrendamento, as rendas vão manter-se iguais?

TRANSFERÊNCIA DE CRÉDITO:
É possível obter estas condições de taxa fixa, sem encargos de formalização de novo crédito?
SIM, é possível.

Coloque-nos as suas questões:
234 384 555 (departamento de Intermediação de Crédito)

Comentários